sábado, 28 de abril de 2012

Cômodos


Fica
Nessa cama com lençóis amarrotados
Fica
Nesse quarto decorado de memórias
Fica
Nesse banheiro com espelhos embaçados
Fica
Nessa cozinha repleta de receitas e histórias

Fica
Nessa parede da sala que acomoda nossos quadros
Fica
Nesse jardim de rosas e margaridas
Fica
Nesse escritório cheio de livros empoeirados
Fica
Nessa casa que resumiu durante anos nossas vidas.

14 comentários:

Sabrina Andrade disse...

Oi Lara,
Linda Poesia. Quanto sentimento há na estrutura dela! E pra melhorar, ainda tem um título significativo.
Sensacional.
Beijos
Sah
___________________________
saahandradee.blogspot.com.br
@qualsabrina
@raasck
~

Andressa Tavares. disse...

não tem como não ficar desse jeito..

SnowWhiteQueen disse...

fabulosooo

Tatamirô Grupo de Poesia disse...

Gostei!Não há mais nada, sobretudo se considerarmos a foto e, no entanto, não há palavra - na minha opinião - mais perene que o verbo fica: tudo está lá.

Rodrigo Ferreira disse...

Esse teu poema
Fica
Na memória.
Minha poetisa arrasa. ^^

Jaci Rocha disse...

Fica com a presença da ausência...que nada consegue explicar...
Lindo poema,Larinha! Recordou-me alguma coisa que andava bem empoeirado na memória...
Tocante!

Jaci Rocha disse...

Fica com a presença da ausência...que nada consegue explicar...
Lindo poema,Larinha! Recordou-me alguma coisa que andava bem empoeirado na memória...
Tocante!

Ana Andreolli disse...

Lindo, deu vontade de ficar, deu saudade de quem foi.

Arianne Carla disse...

E o mais importante... Fica na minha vida e não sai mais. Queria tanto deixar ficar para sempre.

Beijos
http://eppifania.blogspot.com/

Genny disse...

Fica grudada nas minhas melhores lembranças, aquelas mais doces e infinitamente belas.

:)

nilson disse...

As pessoas que mais desejamos sempre se despedem.
Mas os rastros, perfumes, lugares, sons, momentos, teimosamente ficam. Se contentam em expor nossa solidão e fragilidade...

Eliakim - www.geoabrangencia.blogspot.com disse...

Uma retratação muito interessante em como os lugares podem marcar a gente, pois somos eternizados nele ...

O Verônico disse...

Maravilhosa a poesia.!

Acabei de conhecer seu blog e fiquei impressionado com sua sensibilidade.

Coisa linda de se ver.

Abraço do Verônico.

CARLA NOBRE disse...

COMODOS é realmente linda, Lara. Vc é muito especial para a poesia! Um abraço. Ah, o FICA repetido é uma sacada genial no poema, repartindo mesmo os comodos e a solidão...