terça-feira, 24 de janeiro de 2012

Imparcial


 Raptou as areias das praias,
Aprisionou-as em frascos.
Não separa classes e laias,
Não distingue fortes e fracos.

Tem a forma que quiser,
Mas não é divindade.
Foge da sina de morrer,
Sequer nota os sinais da idade.

Sempre ilude os amantes,
Adiantando a partida.
Quando se quer ir embora antes,
Os ponteiros retardam a saída.

Governa ditador e soberano,
Numa ampulheta monárquica.
Envelhecemos ano a ano,
E ele prossegue sua vida intacta.

10 comentários:

Elisa Cunha disse...

Muito bom, esse! Adorei.

Ele nunca "quebra". Há tantos que "se quebram" com ele...

Veronika disse...

Teu talento com as palavras é inegável! Brinca com elas com uma facilidade, que, para ti, ele não parece ditar o ritmo, nem dar o compasso... creio que estejas alheia a ele, o tempo!! :)

Adorei, parabéns!

Evelyn Dias disse...

Muitos se desfazem
E ele continua forte
Muitos anseiam por vida
Ele nem mesmo conhece a morte.

Gostei do poema ! (:

Ismália . disse...

Oi Lara!
O tempo é um tanto carrasco. Nos rouba as pessoas queridas, a juventude, os bons momentos, a disposição, a saúde... E quando acha que não temos mais nada de útil a oferecer, nos leva a vida.

Sad, but true.

Beijocas,

Ismália .

Igor Gouveia disse...

Oi tudo bom? Então, é a minha primeira visita aqui no seu e poxa, estou adorando! Estou seguindo e voltarei mais vezes!

Também tenho um blog, passa por lá? Te deixo o link dele:
http://25conto.blogspot.com/

Abraços!

B. disse...

É incrível como as palavras se interagem e se completam, em seus textos. Ótimo assunto, com um final surpreendente. Adorei.

Jaci Rocha disse...

Larinha! Que poema lindo!!! De fato, qdo vi teu comentário,entrei e ri alto da contradição defendida em cada poema.
Mas,afinal,compartilhar vivências é tão legal,não é? Beijo! =)

Celso Mendes disse...

já dizia Cazuza: o tempo não para. nós é que somos efêmeros.

belo poema!

beijo.

Pedro Stkls disse...

' Amo e adorei este texto, Larita. Parabéns. =)

Blogueiros Literários disse...

Olá, boa tarde. Somos do Projeto "Blogueiros Literários" e queremos juntar o máximo de blogueiros possíveis (dessa categoria) num só lugar. Teremos a cada semana um tema: Semana da poesia, semana dos contos e semana das crônicas, poemas e textos sentimentais. Não iremos divulgar uma frase ou algo assim e você fará seu texto em tese disso, nós apenas iremos divulgar o seu texto. Corre lá, ainda dá tempo, junte-se a nós para formamos uma rede literária. A inscrição está aberta até amanhã.

Ah, ainda tem mais. Você concorre a uma semana de destaque: Blogueiro Destaque. Durante essa semana iremos fazer entrevistas, publicar textos, suas inspirações e tudo mais com o blogueiro vencedor. Passa lá?

http://blogueirosliterarios.blogspot.com/2012/01/inscricoes-abertas.html