quarta-feira, 16 de maio de 2012

Labuta



O poeta labuta;
A palavra astuta
Foge-lhe à mente.
Mas que saliente!


O poeta a recupera;
A palavra espera
Uma distração:
Foge de novo então.


O poeta luta;
A palavra encurta
O caminho
E deixa-o sozinho...


O poeta cansa;
A palavra amansa:
Contra a maré rema,
E está pronto um poema.

11 comentários:

Karlinha Ferreira disse...

Dinâmico... rs
Gostei!

Li ouvindo Engenheiros do Hawaii...
♪mas eu nunca sei para onde vamos, eu me sinto um estrangeiro, passageiro de algum trem que não passa por aqui, que não passa de ilusão...♪

Rodrigo Ferreira disse...

Tão bom quando isso acontece. ^^

B. disse...

Muito bom Lara, de verdade. É fato que muitas pessoas criticam as nossas 'criações', sem saber o quanto é complicado escrever. Ainda mais para um poema, que possui algumas regras e afins. É meio que um dom mesmo e você o possui.

reinaldo del trejo disse...

Uau, bela citação de como é feito um poema.
Eu particularmente nunca consegui escrever poemas, não escrevo merda nenhuma na verdade.
Mas de alguma forma, ainda consigo expressar o que eu sinto.
E isso me faz bem.
Visitando pela primeira vez aqui, e curti.
Grande Abraço
de Reinaldo DeL Trejo

k. sαmαnthα disse...

rs Que palavras meigas...
E é bem isso mesmo que acontece.
'O poeta cansa;
A palavra amansa'

*-*

Edilson Cravo disse...

Lara:

Uma delícia vir aqui e ler algo tão bonito e inspirador.
Lindo fim de semana. Beijoos.

Arianne Carla disse...

Sou uma fã de poetas e poesias, mesmo que me deem a receita e mapa... Nunca conseguirei ser uma.
O seu tá lindo demais!

Smareis disse...

O poeta é uma dádiva divina, um dom precioso, um talento de ouro... Ele sempre encontra palavras pra tecer uma poema seja qualquer dia, qualquer hora, e em qualquer situação.

Parabéns pela beleza do poema.

Beijos!

Jaci Rocha disse...

LINDO, Larinha!
Esta é uma labuta constante...dar a luz a um poema...!!! =)

Jaci Rocha disse...

LINDO, Larinha!
Esta é uma labuta constante...dar a luz a um poema...!!! =)

Suu Munizz disse...

E como trabalha o poeta ao tentar transpor ao papel seu sentimento,ao doar um pouco de si a cada palavra,ao tentar fazer daquela oportunidade mais um de seus momentos de prazer.
lindo post,adoreii!
uma ótima semana,abraço,=)